Friday, February 21, 2014

Bolo de avelã, coco e canela, uma minissérie ótima e um Globo de Ouro bastante merecido

English version

Hazelnut, cinnamon and coconut cake / Bolo de avelã, coco e canela

Gosto de assistir a premiações de cinema e TV por basicamente duas razões: é bacana ver os meus atores e diretores favoritos serem reconhecidos – o que, infelizmente, não acontece com a frequência que eu gostaria – e também adoro ver as roupas e os penteados usados pelas estrelas (para depois comentar os erros e os acertos). :D

Há, entretanto, outra razão bem boa: seriados e filmes dos quais ainda não ouvi falar, coisas interessantes para procurar e talvez adicionar à minha já longa lista.
Foi por causa da vitória de Elisabeth Moss no Globo de Ouro este ano que fiquei sabendo sobre “Top of the Lake”, e que minissérie excelente: uma história sombria criada e dirigida por Jane Campion – uma diretora danada cujo trabalho admiro – que se passa em locações lindíssimas na Nova Zelândia, com roteiro e atuações ótimos. Eu já gostava de Elisabeth Moss como Peggy Olson – provavelmente a melhor coisa de “Mad Men” – e aqui ela está ainda mais fantástica; Moss realmente mereceu o GG que levou para casa, e eu não sei como eles puderam ignoram Peter Mullan, absolutamente incrível como o assustador Matt.

Assim como “The Fall”, “Top of the Lake” discute a violência contra mulheres e suas consequências – um assunto nada fácil de assistir, mas que precisa ser mostrado (e aqui isso é feito de uma maneira bastante realista).

Viciei em “Top of the Lake” depois de apenas alguns minutos e vi todos os sete episódios em alguns dias (é uma pena que não haverá outras temporadas); toda vez que eu via os personagens andando perto daquela água gelada me dava vontade de tomar uma xícara de chá – e um pedaço de bolo não seria nada mal, também. :D

Esta é uma receita que preparei por ter achado a combinação de avelãs, canela e coco bem incomum, e no final ficou bem gostosa – sem contar que o iogurte ainda deixa o bolo úmido e macio.

Bolo de avelã, coco e canela
um tiquinho adaptado da sempre fantástica revista Delicious UK

- xícara medidora de 240ml

Bolo:
4 ovos médios*
2 xícaras (400g) de açúcar cristal
230g de farinha de trigo
50g de amido de milho
1 colher (chá) de fermento em pó
1/8 colher (chá) de sal
1 colher (chá) de canela em pó
185ml de óleo de canola
420g de iogurte natural integral
1 xícara (100g) de coco em flocos adoçados
100g de avelãs, levemente tostadas, frias e picadinhas

Para polvilhar o bolo:
50g de açúcar de confeiteiro
¼ colher (chá) de canela em pó

Pré-aqueça o forno a 180°C. Unte generosamente com manteiga uma forma de furo central (tipo Bundt) com capacidade para 12 xícaras de massa – se a forma não for antiaderente, enfarinhe também (eu fui teimosa, usei uma de 10 xícaras e tive de assar a massa que sobrou em uma forminha pequena de 240ml).
Na batedeira, usando o batedor de arame, bata os ovos e o açúcar até obter um creme claro e fofo. Em uma tigela grande, peneire juntos a farinha, o amido, o fermento, o sal e a canela. Junte o óleo, o iogurte, o coco e as avelãs e misture para incorporar. Junte a mistura de ovos e misture.
Despeje a massa na forma preparada e asse por 1 hora/1 hora e 20 minutos ou até que o bolo cresça e doure (faça o teste do palito). Deixe o bolo esfriar na forma sobre uma gradinha por 15 minutos e então desenforme com cuidado sobre a gradinha. Deixe esfriar completamente.
Em uma tigelinha, misture o açúcar de confeiteiro e a canela. Polvilhe a mistura sobre o bolo.

* sempre compro ovos do tipo grande, então escolhi os 4 menores que havia na embalagem para usar na receita

Rend.: 10-12 porções

12 comments:

Masterchef cá de casa said...

Ficou tão,mas tão bonito.826

nara said...

Olá! Gosto tanto das suas receitas e fotos quanto das dicas cinéfilas! Eu, que assisti as nove temporadas de Arquivo X, vou matar as saudades da inesquecível Scully. Já tinha ouvido falar dessa nova série, estava na minha lista, mas o seu comentário foi matador. Parto para ela assim que acabar House of Cards, que por sinal é sensacional - das melhores séries que assisti!

Abraço e parabéns!

pimentinha said...

Estou maravilhada com o bolo e com o blog. Parabéns! Ficou mesmo lindo!

Vitor Hugo said...

Seriados é um "problema", ainda mais agora com o netflix que dá pra assistir numa sentada. "Só mais um" quando já é 2h da matina, hahaha

E gahhhh, que bolo bonito. Hei de ter essas formas rebuscadas-vintage!

Izabella Penna Escabeche said...

Oi Patrícia!
Tenho uma forma exatamente igual a sua (linda demais!). Na primeira vez que a utilizei nem precisei untar e o bolo saiu facilmente. Entretanto, das outras vezes o bolo quebrou quando fui desenformá-lo.
Você unta antes de assar o bolo?
Beijos,
Izabella

Patricia Scarpin said...

Nara, tudo bem?
Eu também adoro "House of Cards", terminei a segunda temporada ontem!
Beijo!

Vitor, e eu não sei, querido? Sofro desse mal, viu? :D

Izabella, eu sempre sigo a receita: se pedem para untar, eu unto, se pedem para untar e enfarinhar faço exatamente isso.
Bolos Bundt não podem esfriar completamente na forma, senão quebram mesmo - vc precisa desenformá-los depois de 15,20 minutos após saírem do forno.
Bj!

Flávia said...

Patricia, eu fiz essa receita. Deu super certo. Porém adaptei tudo a 3/4 da receita, porque minha forma é pequena. Achei um pouquinho doce, mas perfeito para tomar com leite puro! Ahhhhh, comi quentinho e me lembrou as castanhas vendidas no shopping hhehehe.
[]'s

Joana said...

Oi patrícia, vc já assistiu homeland? É muuito boa!

Patricia Scarpin said...

Flávia, que bom que vc gostou do bolo, querida!
Obrigada por vir aqui me contar o resultado.
Beijo!

Joana, eu sempre esqueço de "Homeland" - preciso ver!

wair de paula said...

wow, que receita! vou tentar fazer a.s.a.p.
abraços
w

Marina said...

Eu fiz e ficou uma maravilha! Inclusivei já presenteei várias pessoas com ele, e todas amaram!

Patricia Scarpin said...

Marina, que ótima notícia! Adorei saber que o bolo fez sucesso por aí! Obrigada por vir aqui me contar o resultado! xx

Related Posts with Thumbnails